Foto Ugo Camera

O mundo português de Alexandra Moura

Alexandra Moura regressou ao palco mundial mais irreverente e jovem da moda, a London Fashion Week, apresentando a sua coleção Here and There que incluiu criações para homem e mulher. É mais uma iniciativa da Portugal Fashion que nos últimos anos tem procurado reenquadrar os mais importantes criadores nacionais nas principais eventos de moda do mundo.

Num antigo banco da City Londrina, a criadora homenageou os nossos antepassados com uma coleção que trouxe referencias aos portugueses no mundo, frisando assim a visão cosmopolita implícita nas atividades inerentes aos descobrimentos. A criadora foi ao encontro de tecidos tradicionais e estampados de Timor Leste que foram depois re-imaginados e adaptados a conjunto de jacquards apresentados . Foi uma coleção repleta de um romantismo feminino pontuado pela desconstrução, já um verdadeiro adn da criadora que desta vez juntou colaborações com a Duffy, uma marca de casacos de penas assim como a Volca, que repete a parceria no calçado.

Depois do desfile Alexandra Moura era o espelho da felicidade e pode responder as questões da Parq.

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Parq – O facto do Portugal Fashion te levar a Londres já se reflete em vendas internacionais ?

AM – As vendas internacionais já aconteciam antes do Portugal Fashion. Agora espero é consegui-las solidificar, aumentando o número e diversificando os pontos venda, permitindo assim que a marca chegue ao número de mercados possiveis.

P – Onde podemos encontrar as tuas peças à venda?

AM – Na Opening Ceremony e Beams no Japão ; 4 Concept Store no Kuwait ; Doshaburi em Barcelona ; The Black Room em Xangai ; Kolovrat 79 e LeFilles em Lisboa e na Scar-Id no Porto.

P – Qual o passo seguinte que gostarias de dar?

AM – Continuar integrada numa semana de moda como Londres e aumentar as vendas para todo o mundo.

P – Pretendes ter loja própria ?

AM – Neste momento quero estar muito focada na marca e na sua internacionalização da mesma, o que não significa que mais tarde pense em abrir uma. Para já estou mesmo focada só na marca.

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

P – Como surgiram parcerias que entraram no teu desfile? És tu que contactas as marcas ou foram as marcas que vieram até ti ?

AM -Foi 50/50. No caso da DUFFY tomei a liberdade de os contactar, onde obtive de imediato um ótimo feedback e abertura.

P – Porquê a DUFFY ? 

AM – Por ser uma marca portuguesa da minha geração ( final dos 80 ) que eu considero ser icónica. Fez-me todo o sentido trazer para esta coleção este tipo de peças, revigorizando esta marca e trazendo-a para atualidade com o design de autor. Já no caso da Volca foi um amor à primeira vista e para ambas as marcas fez logo sentido a colaboração uma vez que temos a mesma filosofia do calçado no mercado. Ambas pretendemos não massificar e trabalhar a qualidade. Houve uma enorme abertura em fundir um design mais de autor com a sua própria filosofia Volca que tem um produto mais unisexo. Ou seja juntamos um lado mais sofisticado e moda ao lado bruto e unisexo do universo dessa marca, criando assim um nova marca dentro das 2 marcas.

P – O que te deu mais prazer nesta coleção?

AM – O que me deu mais prazer foi não tornar esta coleção visualmente étnica. Mas sim ir buscar os detalhes tradicionais de Timor- Indonésia como o Pano- Thai feito em tear e assim desconstruir os padrões através das malhas Jacquard.

P – Trouxeste um pouco de Portugal no mundo para esta coleção. Foi o facto de ser o teu primeiro desfile em Londres que te trouxe esta vontade?

AM – Raramente me inspiro em coisas portuguesas, mas desta vez fez sentido a conquista de outras terras dando a conhecer ao mundo outras culturas. No fundo foi como eu própria me senti ( risos ).

Foi uma desconstrução do classicismo português para aquilo que somos hoje.

A própria banda sonora feita em exclusivo pelo Miguel Cardona e acabando com uma mistura do Dj Ride sobre um tema de Carlos Paredes é disso demostrativo. Para mim foi tudo uma demonstração das nossas origens e dando-as a conhecer a outras culturas também presentes nas semanas de moda.

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Francisco Vaz Fernandes
No Comments

Post a Comment