Foto Ugo Camera

Pedro Pedro FW17

Na colecção de inverno 2017, ” La Mer qu´on voit danser”, apresentada por  Pedro Pedro no primeiro dia do Portugal Fashion em Lisboa, o criador debruça-se sobre a inconstância do mundo presente, a qual além de abolir zonas seguras e refrear qualquer estabilidade formal, também reformula o vestuário. Desta forma, Pedro apresenta silhuetas assimétricas, volumosas, com múltiplas camadas e exageros, como se de velas ao vento se tratassem.

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

 

Nesta coleção é notória a eleição das borrachas e tecidos técnicos como principais elementos estéticos, juntamente com tecidos clássicos com acabamentos impermeáveis e termocolados – preconizando a busca pela proteção e a adequação ao que amanhã poderá advir. Esta é a linha mais sportswear que Pedro nos mostrou nos últimos anos, tornando-a talvez na mais abrangente, cosmopolita e irreverente. Não obstante, toda a delicadeza e identidade estão presentes: os brilhos, as transparências, os algodões encerados e as lãs merino, as malhas em bloco de cor, etc.

É a mulher de Pedro Pedro com um outro pulsar. Entre as camadas podemos ainda ver a continuidade do toque marítimo nas botas da parceria com a DOM, bem como na presença do azul e vermelho a quebrar a paleta de preto e branco.  Complementando os coordenados, Pedro fez parcerias nos acessórios ,tanto utilitários quanto femininos, nas malas da Maria Maleta e joias de Bárbara Goyri.

Texto de Luís Sereno

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Foto Ugo Camera

Francisco Vaz Fernandes
No Comments

Post a Comment