ex2015ab_ins
Visual Arts, Exhibitions, installation views. 
Andrea Büttner, November 21, 2015 – April 10, 2016, Burnet Gallery.

The Walker presents the first US solo exhibition of the work of German artist Andrea Büttner (b. 1972), including a newly commissioned installation. Büttner’s work often creates connections between art history and social or ethical issues, with a particular interest in notions of poverty, shame, value, and vulnerability, exploring and challenging the belief systems that underpin them. 
Curator: Fionn Meade

Turner Prize 2017

Os 4 nomedos ao Turner Prize acabam de ser anunciados pela Tate Gallery que promove o mais importante prémio entregue em Inglaterra dirigido à arte contemporânea. Temos este ano, Lubaina Himid, uma artista oriunda da Tanzânia interessada em questões do pós-colonialismo, Hurvin Anderson, artista que usa a pintura para focar questões da identidade negra no Reino-Unido, Andrea Buttner, artista de origem alemã que trabalha diferentes medium, procurando criar relações entre o campo da arte e questões sociais e por fim, Rosalind Nashashibi, artista com ascendência palestiniana, que trabalha com documentários em vídeo e fotografia sobre temas do quotidiano explorando os seus contextos políticos.

Lubaina Himid

Lubaina Himid

Depois da polémica instalada com os nomeados no ano passado que gerou vários tipos de protestos de sectores que consideraram alguns trabalhos ofensivos e não os reconheciam como arte, esta edição revelou-se muito mais consensual, optando por artistas, que mesmo dentro de um discurso politizado, estão dentro de um enquadramento do politicamente correto e recorrem a linguagens plásticas mais clássicas, nomeadamente a pintura, não sendo de esperar grande polémica este ano.

Hurvin Anderson

Hurvin Anderson's Is it OK to be Black  

O signo da mudança começou quando foi anunciado que este ano era alargada a barreira dos 50 anos como limite de idade para o concurso dando resposta à crítica que o prémio estava muito dirigido ao fetichismo da novidade. Ou seja, uma machadada a um dos grandes princípios que esteve inerente à razão de ser do prémio, que procurou trazer reconhecimento nacional ao prestígio que a Young British Generation estava a alcançar além fronteiras no início dos anos 90 com propostas que alargavam os conceitos de arte mais tradicionais. Ou seja, o espírito que possibilitou Tracey Emin ganhar o Turner Prize, trazendo para o espaço público a sua cama desfeita, parece ter tido o seu ponto final.

Andrea Buttner

ex2015ab_ins Visual Arts, Exhibitions, installation views.  Andrea Büttner, November 21, 2015 – April 10, 2016, Burnet Gallery. The Walker presents the first US solo exhibition of the work of German artist Andrea Büttner (b. 1972), including a newly commissioned installation. Büttner’s work often creates connections between art history and social or ethical issues, with a particular interest in notions of poverty, shame, value, and vulnerability, exploring and challenging the belief systems that underpin them.  Curator: Fionn Meade

Rosalind Nashashibi

Rosalind Nashashibi

Francisco Vaz Fernandes
No Comments

Post a Comment